Notícias




domingo, 15 de janeiro de 2012

DESTAMPARAM OS ESGOTOS DA COELHOLÂNDIA

"MEU PAIPAI..."


São Paulo, domingo, 15 de janeiro de 2012Poder
Poder
Filho de ministro destina verba a aliados
Emendas do herdeiro de Fernando Bezerra Coelho resultaram em contratos com empresas ligadas a ex-assessores do pai
Valor destinado a empresas representa 14% das emendas feitas pelo deputado; políticos negam favorecimento
BRENO COSTA
ENVIADO ESPECIAL A PETROLINA (PE)
Pelo menos R$ 2 milhões em emendas do deputado federal Fernando Coelho Filho (PSB-PE) beneficiaram três empreiteiras ligadas a filiados ao PSB e a ex-assessores do ministro Fernando Bezerra Coelho (Integração Nacional), pai do congressista.
O valor foi destinado nos últimos dois anos e representa 14% das emendas apresentadas pelo deputado ao ministério nesse período.
As empresas contratadas pela Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba), estatal vinculada ao ministério, ficam em Petrolina, base eleitoral dos Coelho.
O diretor da área de obras da Codevasf até a última quinta-feira era Clementino Coelho, irmão do ministro.
O superintendente regional da estatal em Petrolina, responsável direto pelas contratações, foi indicado ao cargo por Fernando Bezerra.
As empresas que receberam o dinheiro das emendas foram a Solo Construções e Terraplanagem, a Evel Terraplanagem e a SCS Construções. Os contratos se referem a obras de infraestrutura.
A Solo e a Evel têm entre seus funcionários Aerolande Amós da Cruz. Ele é filiado ao PSB. A Folha apurou que ele exerce função administrativa e atua como lobista para as duas empresas. Funcionários das empreiteiras confirmaram que ele trabalha nelas. Aero, como é conhecido, é aliado dos Coelho.
Segundo empresários da cidade e políticos ouvidos pela Folha, ele atua há anos como assessor informal de Bezerra e de Fernando Filho, chegando a acompanhá-los em viagens de campanha.
Um desses empresários, Belmiro Humberto dos Santos Filho, da SCS Construções, fundada em 2009 e que funciona numa sala comercial no centro de Petrolina, ganhou contrato viabilizado por emenda de Fernando Filho, no valor de R$ 146 mil.
A contratação, feita no mês passado, ocorreu via convite, modalidade na qual o órgão público seleciona as empresas que participarão.
Belmiro também é filiado ao PSB e trabalhou como assessor da Secretaria de Governo de Petrolina entre 2001 e o início de 2007 -no período, Bezerra era o prefeito.
Ele afirma ter convivido esporadicamente com Aerolande. "Ele trabalhava como assessor informal. Não me lembro se tinha cargo", disse.
A Evel Terraplanagem recebeu R$ 70 mil. A Solo, R$ 1,8 milhão. O dinheiro recebido pelas empresas não se limita a verbas de emendas. Entre 2010 e 2011, elas assinaram contratos de R$ 13 milhões com a Codevasf.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

Siga o Blog por Email

Twitter Updates 2.2: FeedWitter

Seguidores

Vídeos

BoxVideos1

BoxVideos2

Noelia Brito © 2016 Todos os direitos reservados.