Notícias




sábado, 13 de julho de 2013

Perseguição na PCR: antes inocentada, Geraldo reinstaura processo pra demitir servidora opositora.


Do Blog João Carlos On Line


 julho 12th, 2013  Posted in Administração PúblicaPolitica
noelia brito

NOÉLIA BRITO no Facebook.

Como anunciei mais cedo, o Secretário de Assuntos Jurídicos de Geraldo Julio, Ricardo Nascimento, instaurou um inquérito contra mim com base num abaixo-assinado datado de abril de 2011, onde foram feitas acusações genéricas de que eu teria praticado assédio moral contra terceirizados da Procuradoria da Fazenda Municipal que consistiam, entre outras coisas, em ameaçá-los de demissão e outras afirmações sem consistência que constam de postagem anterior. Esse abaixo-assinado foi protocolado à então procuradora-chefe da PFM, Dra. Juliana Santa Cruz, que o despachou ao secretário da época, Dr. Cláudio Ferreira, a quem competia determinar a apuração dos fatos ali narrados. Diante do que entendeu se tratar de denúncias vazias e sem provas, porque genéricas e por se tratar de suposta infração para a qual só comportaria, no máximo, pena de repreensão, nos termos do Estatuto dos Servidores do Recife, sem sequer a necessidade de instauração de Inquérito, pena a ser aplicada pelo próprio Secretário, no caso o secretário Cláudio Ferreira, este entendeu que deveria arquivada a denúncia por entendê-las desprovidas de qualquer fundamento, proferindo despacho nesse sentido.
Esses fatos me foram narrados hoje pelo então Secretário de Assuntos Jurídicos, Claudio Ferreira, que será oportunamente arrolado como testemunha no inquérito prescrito que o atual secretário, Ricardo Nascimento instaura contra mim, a mando de seu chefe, o prefeito Geraldo Julio. Estranhamente, esse procedimento, já arquivado, desapareceu no sumidouro de processos da Secretaria de Assuntos Jurídicos, digo estranhamente, mas não tanto, já que outro processo já havia desaparecido e reapareceu como por encanto, depois da instauração de uma Sindicância e tendo em vista que tratava de situação sob investigação do Ministério Público. Quero registrar que estou sendo vítima de uma perseguição política atroz promovida pela gestão Geraldo Julio, por intermédio de seu secretário de assuntos jurídicos, Ricardo Nascimento e todos sabem muito bem o porquê.
A atitude do Dr. Ricardo Nascimento causa espécie, pois vinda de alguém que já figurou nos quadros da OAB, na qualidade de Conselheiro, sendo deplorável que se preste a tal desiderato de mover inquérito prescrito e sem justa causa e ainda em flagrante abuso de poder porque não pode revogar o arquivamento promovido pela autoridade que tinha competência, à época, para determinar a instauração do procedimento e aplicar eventuais punições. Todos sabem perfeitamente que eu e o ex-secretário de assuntos jurídicos, Claudio Ferreira, não somos nem nunca fomos amigos, nem partidários e que eu deixei a Chefia da Procuradoria da Fazenda Municipal quando ele assumiu a secretaria, por meio de carta que foi, inclusive, publicada pelo Blog de Jamildo, onde estão expostos os motivos de meu pedido para deixar o cargo, portanto, todos sabem que o Dr. Claudio Ferreira jamais teve quaisquer motivos para me proteger ou firmar “acordos” comigo, tendo determinado, por despacho que convenientemente desapareceu do gabinete do atual Secretário, o arquivamento do abaixo-assinado, por ter percebido o que qualquer pessoa com um mínimo de conhecimento jurídico e bom senso perceberia, que as denúncias não se sustentavam.
Peço a todos que compartilham das mesmas lutas que eu tenho travado contra o poder econômico e político representado pela oligarquia comandada por Eduardo Campos que estejam atentos para as perseguições que a gestão Geraldo Julio promove contra mim, mediante inquérito ilegal, abusivo e forjado, cujo intuito é destruir minha reputação por saber que não me curvo, nem me curvarei aos interesses daqueles que ele representa. Sei que esse é apenas o primeiro dos ataques covardes que essa gestão que tem como patrão o déspota Eduardo Campos, que manda prender estudantes e trabalhadores, a quem defendo, inclusive como advogada voluntária, está orquestrando contra mim. Mas quero que todos saibam que continuarei na luta por um mundo digno e justo e por tudo em que acredito e que estarei sempre ao lado dos trabalhadores e do povo sofrido para quem Eduardo e seu secretário Geraldo Julio não governam nem jamais governarão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

Siga o Blog por Email

Twitter Updates 2.2: FeedWitter

Seguidores

Vídeos

BoxVideos1

BoxVideos2

Noelia Brito © 2016 Todos os direitos reservados.