MPPE lança campanha em defesa da liberdade de expressão em parcerias com entidades da sociedade civil




Assegurar o exercício da liberdade de expressão e coibir violações de direitos humanos nos meios de comunicação são os objetivos da campanha “Palavras Têm Poder”, que será lançada nesta segunda-feira, 19 de maio, às 19h, no auditório G1 da Universidade Católica de Pernambuco (Rua do Príncipe, 526). A iniciativa é do Ministério Público de Pernambuco juntamente com a Comissão de Ética do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Pernambuco, Centro de Cultura Luiz Freire, Centro Popular de Direitos Humanos, ONG Dialógica e própria Unicap. Na ocasião do lançamento, haverá um debate aberto ao público com o Gustavo Ferreira Santos (Unicap), Maxwell Lucena Vignoli, Patrícia Paixão (SinjoPE), Ivan Moraes Filho (CCLF).

A campanha estimulará um diálogo entre a sociedade, o poder público e os meios de comunicação, procurando através de diversas ações promover os direitos humanos e chamar a atenção para possíveis mensagens que desrespeitem a lei ou o Código de Ética dos jornalistas. A censura, governamental ou privada, também será combatida pela proposta. Para que as pessoas participem, serão disponibilizados canais de denúncia através da internet (www.palavrastempoder.org) e pelo telefone 0800 281 9455. Ainda no âmbito da campanha serão promovidos debates e rodas de diálogo com jornalistas. Materiais da campanha, como banners, vídeos e áudios, também serão disponibilizados através do site, para que mais pessoas possam participar da ação.
“A livre expressão de opiniões e ideias é um direito humano. Esperamos que as pessoas façam uso dele de forma construtiva e pacífica”, recomenda o promotor Maxwell Vignoli. Para Andrea Trigueiro, presidenta da Comissão de Ética do SinjoPE, está é uma oportunidade de aproximar a sociedade da discussão sobre conteúdos nos meios de comunicação, “Acredito que estamos dando um passo importante no sentido de aproximar o cidadão comum de temas de interesse social. A campanha vai ser um divisor de águas na abordagem sobre a comunicação social que queremos”
Mais informações sobre o lançamento da campanha poderão ser obtidas através do e-mail contato@palavrastempoder.org.

Comentários

MAIS ACESSADAS DO MÊS

Empresa flagrada servindo comida podre para alunos das escolas públicas de Pernambuco promove assédio judicial contra Editora do blog da Noelia Brito na tentativa de intimidá-la e cessar denúncias do Blog contra malfeitos da empresa, também apontados pela Polícia Civil, pelo MPPE e pelo TCE/PE

Aos gritos de "tem roubo", alunos protestam contra a falta de Merenda durante visita de Paulo Câmara. Na Prefeitura do Recife, Geraldo Júlio é notificado pelo MPPE para explicar denúncias do SIMPERE sobre irregularidades em contratos da Merenda

Até ameaças de morte teriam sido feitas por Eduardo da Fonte e Ciro Nogueira contra testemunhas para que mudassem depoimentos na Lava Jato contra parlamentares do Partido. Apartamento de Dudu da Fonte em Boa Viagem também foi alvo de buscas e apreensões