Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2014

Candidatos majoritários da Coligação "Pernambuco Vai Mais Longe" utilizam barcos para promover "Campanha Limpa"

Imagem
Após a polêmica causada pelo uso excessivo de placas e bandeiras fixas  nas calçadas, pelos candidatos da Frente Popular, em Pernambuco, que chegaram a causar revolta em internautas e denúncias ao TRE/PE, que, por sua vez, multou o candidato a governador, do PSB, Paulo Câmara, por propaganda irregular, já que, em muitos casos, sua ânsia em se tornar conhecido e sair dos 8% nas pesquisas eleitorais, levou o candidato a colocar propaganda em locais proibidos, chegando a prejudicar a mobilidade, os candidatos da oposição, que formam a Coligação "Pernambuco Vai Mais Longe" resolveram inovar e lançar a "Campanha Limpa", com o slogan "Um bom governo começa com uma campanha limpa". Os candidatos Armando Monteiro e João Paulo, que concorrem, respectivamente, aos cargos de governador e senador, passaram a utilizar as velas dos barcos de pesca, que navegam pelas águas do Rio Capibaribe, para fazer sua propaganda, sem enfeiar a cidade e sem prejudicar a mobilidade. …

MPF em São Paulo vai apurar repasses do SUS para a Santa Casa

Imagem
Hospital chegou a interromper o funcionamento do pronto-socorro por falta de suprimentos básicos O Ministério Público Federal em São Paulo instaurou procedimento para investigar os repasses de verbas do Sistema Único de Saúde (SUS) para a Santa Casa de Misericórdia. O procedimento preparatório foi instaurado em razão das notícias de que o hospital chegou a interromper o atendimento de urgência e emergência em seu pronto-socorro em razão de alegada falta de dinheiro para a compra de medicamentos e materiais básicos como seringas e esparadrapos.  Informações publicadas pela imprensa ao longo das últimas semanas relatam uma série de troca de acusações entre os governos federal e estadual acerca do valor a ser repassado pelo Ministério da Saúde à instituição por meio do governo do Estado de São Paulo.  Instaurado na sexta-feira, 25 de julho, o procedimento preparatório do MPF está sob a responsabilidade do procurador da República Kleber Marcel Uemura. “Nossa primeira providência será ofic…

43 a 11: Inauguração de Comitê da Frente Popular em Petrolina reflete a fraca perfomance do candidato de Eduardo Campos nas pesquisas

Imagem
A inauguração do comitê de campanha da Frente Popular de Pernambuco, no último sábado (26), em Petrolina, no Sertão do São Francisco surpreendeu a todos pelo número pequeno de pessoas.
A salvação da lavoura veio pela presença dos chamados "militantes azuis" do candidato a deputado federal Fernando Filho (PSB), que ocuparam o local.

O desânimo ficou visível do semblante de Paulo Câmara, que disputa o governo de Pernambuco por escolha pessoal de Eduardo Campos. Em pesquisa divulgada agora há pouco, realizada pelo IBOPE, Armando Monteiro, do PTB, mantém a dianteira na preferência do eleitorado pernambucano, com mais que o triplo dos votos atribuídos a Paulo Câmara. Armando aparece com 43%, enquanto Paulo Câmara, apesar da campanha massiva nas ruas, atinge apenas 11%. A margem de erro é de 3%.
* Com informações de colaboradores de Petrolina

Operação Lava Jato: Eduardo Campos e Bezerra Coelho terão que depor na 4“ Vara Federal, no Jiquiá. Mandados já foram expedidos

Imagem
O Juiz Titular da 4ª Vara Federal de Pernambuco mandou expedir, com urgência, Mandados de intimação para que o ex-governador Eduardo Campos e o ex-ministro Fernando Bezerra Coelho prestem depoimento na Carta Precatória recebida da 13ª Vara Federal de Curitiba, onde tramitam os processos criminais da Operação Lava Jato. Ambos foram arrolados como testemunhas de defesa do ex-direitor da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, que se encontra preso na carceragem da Polícia Federal no Paraná, por superfaturamentos nas obras da Refinaria Abreu e Lima e por lavagem de dinheiro.

Também faz parte do processo o doleiro Alberto Youssef, apontado como responseavel pela lavagem das propinas pagas pelos favorecidos com os contratos com a Petrobrás e por políticos que intermediavam esses contratos. 

Em abril, reportagem da Folha de São Paulo revelou que um irmão de Bezerra Coelho, Clementino Coelho, tinha relações financeiras com o doleiro Yousseff, que foram descobertas pela Polícia Federal, através de e-ma…

Governo Federal repassou R$ 29,2 milhões para Santa Casa, apenas em 2014. Alckmin, candidato de Eduardo Campos, em São Paulo, tem que provar destinação dos recursos

Imagem
O Portal da Transparência da Controladoria-Geral da União comprova que somente este ano, o governo Alckmin recebeu cerca de R$ 29,2 milhões do governo Dilma, para repassar à Santa Casa de Misericórida de São Paulo. Em 2013, os repasses do Governo Dilma chegaram a R$ 55,2 milhões, desmentindo as informações divulgadas pelo governador de São Paulo, candidato à reeleição com o apoio do presidenciável Eduardo Campos, que também não teve uma gestão exemplar à frente da Saúde, como governador de Pernambuco, de que deixou de repassar recursos para a Santa Casa por não tê-los recebido do Governo Federal. O caso deve ser investigado pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal, uma fez que, conforme comprova o Portal da Transparência, os recursos entram transferidos para o Fundo Estadual de Saúde e desvio de finalidade em recursos de Fundos, por terem finalidade especificada em lei, é crime e, no caso, crime da competência federal. A Santa Casa teve que fechar o Pronto Socorro e cance…

Rodoviários do Recife e Região Metropolitana decidem entrar em greve a partir da zero hora do dia 28

Imagem
Em postagem feita há pouco, em sua página no Facebook, a nova diretoria do Sindicato dos Rodoviários do Recife e Região Metropolitana acaba de anunciar que a categoria aprovou greve a partir da zero hora do próximo dia 28. Confiram:


Eduardo Campos e Thiago Norões respondem representação por crime de Peculato no TJPE

Imagem
O Portal de notícias Brasil 247 acaba de noticiar que o presidencável Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco, responde, juntamente com seu primo, o procurador geral do Estado Thiago Norões, a uma Ação Popular movida pelo advogado Péricles Henrique Ferreira da Silva, em razão de prejuízo de R$ 204 milhões que, segundo a ação, o desvio de finalidade na utilização da área desapropriada pelo Estado de Pernambuco, pertencente à Companhia Agroindustrial de Goiana, teria ocasionado aos cofres do Estado. A desapropriação se deu para implantação de um distrito industrial e da Fábrica da Fiat na cidade de Goiana.

O autor da ação alega que além do desvio de finalidade, os terrenos foram super avaliados, sendo pagos preços acima dos valores de mercado e de modo a favorecer a CAIG (Companhia Agroindustrial de Goiana). O procurador-geral do Estado, Thiago Norões, que é primo de Eduardo Campos, também é citado como réu na ação. 

Péricles Henrique afirma que em 08 de agosto de 2011, o governo de P…

Folha de São Paulo traz denúncia de compra de apoio do PSB à candidatura de Paulo Câmara. PROS e PP estariam envolvidos

Imagem
O deputado federal José Augusto Maia (Pros-PE) disse que recebeu e recusou oferta de "vantagem financeira" para que seu partido integrasse a coligação do candidato a governador Paulo Câmara (PSB), o escolhido pelo presidenciável Eduardo Campos para sucedê-lo em Pernambuco. Segundo o deputado, a oferta de propina foi feita pelo presidente nacional do Pros, Eurípedes Jr., e pelo líder da bancada do PP na Câmara, Eduardo da Fonte (PE). Todos os citados que foram ouvidos pela Folhanegaram a oferta. Em Brasília, o PP e o Pros atuam em bloco que reúne 59 deputados federais. Em discurso na Câmara na quinta (17), Maia disse que foi destituído do Pros por não ter aceito uma proposta "indecorosa e vergonhosa", conforme o jornalista Elio Gaspari relatou em sua coluna na Folha e no "Globo" no domingo (20). À reportagem Augusto Maia contou em detalhes os dois encontros em que ele diz que as ofertas foram feitas. O primeiro, diz o deputado, foi no saguão do hotel Atla…

Envolvimento de primo de Aécio Neves com quadrilha de venda de "habeas corpus" para traficantes vem à tona depois da descoberta do caso do aeroporto de Cláudio, em Minas

Imagem
A denúncia feita ontem, em matéria de primeira página da Folha de São Paulo, de que o presidenciável Aécio Neves mandou construir um aeroporto público nas terras de parentes seus, na cidade mineira de Cláudio, onde o próprio Aécio mantém uma fazenda a qual costuma chamar de "meu Palácio de Versalhes" pode ser apenas a ponte de um iceberg que levará a candidatura tucana ao naufrágio. Segundo matérias publicadas hoje, pela própria Folha, o aeroporto, apesar de ter custado cerca de R$ 14 milhões aos cofres públicos mineiros, é administrado por parentes de Aécio, entre eles seu tio, Múcio Guimarães Tolentino, dono da fazenda onde foi construído o aeroporto. Com as denúncias sobre a situação privilegiada de parentes de Aécio na região, o caso envolvendo um primo do ex-governador, que estava abafado também começa a ser divulgado. Trata-se do processo que espera julgamento no STJ,  contra TANCREDO ALADIM ROCHA TOLENTINO, primo de Aécio e mais conhecido pelo vulgo de "Quedo&qu…

A autofagia petista é a maior ameaça à reeleição de Dilma

Imagem
PorNoelia Brito
Muito se tem questionado o discurso incongruente do ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, na qualidade de candidato à presidência da República, pelo PSB, extremamente dissociado de suas práticas políticas, seja durante seus mais de sete anos à frente do governo de seu Estado, seja como articulador das candidaturas de seu Partido, que conduz com mãos de ferro.
Entretanto, tem chamado atenção,o fato de Eduardo, em suas críticas ao governo que até bem pouco tempo integrava, não apenas na base, mas com cargos de relevo, em ministérios e estatais de orçamentos bilionários, centrar suas críticas, pesadamente, na figura da também candidata, portanto, sua concorrente direta, a presidenta Dilma Rousseff, poupando e por que não dizer, até blindando, o maior cabo eleitoral e padrinho político da presidenta, o ex-presidente Lula, de suas críticas e de qualquer responsabilidade por tudo que considera negativo do Governo Federal.
A postura protecionista de Eduardo com a figura d…

CGU regulamenta o recebimento de denúncias anônimas e proteção da identidade do denunciante

Imagem
As denúncias anônimas apresentadas pelo cidadão junto aos órgãos públicos deverão receber o mesmo tratamento dado às manifestações identificadas. É o que determina a Instrução Normativa Conjunta nº 1 CRG/OGU, publicada no dia 4 de julho de 2014. A regra estabelece critérios para o recebimento e tratamento de denúncias anônimas e institui diretrizes para a preservação da identidade do denunciante, com o objetivo de padronizar o atendimento dessas demandas em todos os órgãos e entidades do governo federal. Segundo a instrução, as ouvidorias dos órgãos deverão acolher a denúncia anônima e, constatada a existência de elementos suficientes à verificação dos fatos, encaminhá-la aos setores responsáveis pela instauração de processo investigatório preliminar. Da mesma forma, sempre que solicitado, as ouvidorias deverão garantir acesso restrito à identidade do requerente e suas informações pessoais, contidas nas manifestações recebidas. A elaboração da instrução normativa foi uma ação conjunta da …

Alvo de Auditoria promovida por Foster, Diretores e ex-diretores da Odebrecht e da Petrobras são denunciados pelo Ministério Público por desvios milionários

Imagem
Conforme revelei em artigo meu, publicado no Blog de Jamildo, em abril deste ano, o chamado Movimento "Volta, Lula", destinado a desestabilizar a candidatura da presidenta Dilma à reeleição, partia de indíviduos cujos interesses escusos foram sistematicamente contrariados pela gestão honesta da presidenta, dentre os quais, o presidente da Odebrecht, que foi um dos que puxaram o tal movimento, defendendo o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, como vice de Lula. Depois disso, Eduardo Campos passou a ser um feroz detrator da presidenta, para estranheza daqueles que até então desconheciam a tibieza de seu caráter. Naquele artigo, cuja íntegra pode ser conferida no Link abaixo, escrevi: "A empreiteira Odebrecht tem, de fato, razões para desgostar da presidenta. Em 2012, uma auditoria interna da Petrobras, feita pela atual gestão, detectou que o processo 001/2010 apresentou um superfaturamento US$ 344 milhões. O contrato foi assinado na gestão Gabrielli e revisto na g…

Marília Arraes posta novas críticas às alianças eleitoreiras do primo Eduardo Campos em sua conta no Facebook

Imagem
A vereadora Marília Arraes fez novas postagens em sua conta pessoal no Facebook questionando a chamada "Nova Política" defendida pelo primo presidenciável, Eduardo Campos. Na postagem, Marília, que segue filiada ao PSB, afirma que a coligação hoje formada pelo candidatos apoiados por Eduardo, em Pernambuco, está mais próxima da extinta União por Pernambuco que se opunha a seu avô, Miguel Arraes do que à Unidade Popular, comandada por aquele e por Pelópidas. Sem citar o nome do primo, Marília Arraes ainda afirma não se identificar com essa nova política defendida por Eduardo Campos, que em sabatina ontem, feita pela Folha/UOL, não foi capaz de justificar as incongruências de seu discurso recheado de ataques às velhas raposas da política, quando ele mesmo, tanto em Pernambuco, quanto em Estados como Piauí e Santa Catarina, Minas Gerais e São Paulo está aliado com as mesmas raposas que diz combater. Questionada por um internauta sobre as contradições do prefeito Geraldo Júlio, m…

Sob a direção de Fred Oliveira, PEN, aliado a Eduardo Campos e Geraldo Júlio, nada faz pela Ecologia em Pernambuco, denuncia fundador e Secretário Regional da Legenda no Estado.

Imagem
Em mensagem postada no Facebook, Michel DaMatta, Secretário Executivo Regional do Partido Ecológico Nacional, em Pernambuco e um dos fundadores da legenda, denuncia que desde que o vereador Fred Oliveira, aliado do prefeito Geraldo Júlio e do ex-governador Eduardo Campos, assumiu o partido no Estado, nada foi feito em prol da Ecologia e que Fred Oliveira o teria destituído do cargo de vice-presidente, razão pela qual acionará a Justiça Eleitoral contra o atual dirigente.
Não é a primeira polêmica envolvendo dirigentes do PEN, cujo presidente nacional, Adilson Barroso, está sendo acusado pela ex-presidente da ANAC, Denise Abreu, de fraudar a Canvenção ocorrida no último dia 30 de julho para barrar sua candidatura à presidência da República, favorecendo uma coligação com o candidato do PSDB, Aécio Neves. A coligação do PEN com o PSDB foi impugnada por Abreu junto ao TSE. Em Pernambuco, o PEN está apoiando a candidatura de Paulo Câmara. Vejam as denúncias:
"Meus amigos, sou o Michel d…