Candidatos majoritários da Coligação "Pernambuco Vai Mais Longe" utilizam barcos para promover "Campanha Limpa"



Após a polêmica causada pelo uso excessivo de placas e bandeiras fixas  nas calçadas, pelos candidatos da Frente Popular, em Pernambuco, que chegaram a causar revolta em internautas e denúncias ao TRE/PE, que, por sua vez, multou o candidato a governador, do PSB, Paulo Câmara, por propaganda irregular, já que, em muitos casos, sua ânsia em se tornar conhecido e sair dos 8% nas pesquisas eleitorais, levou o candidato a colocar propaganda em locais proibidos, chegando a prejudicar a mobilidade, os candidatos da oposição, que formam a Coligação "Pernambuco Vai Mais Longe" resolveram inovar e lançar a "Campanha Limpa", com o slogan "Um bom governo começa com uma campanha limpa". Os candidatos Armando Monteiro e João Paulo, que concorrem, respectivamente, aos cargos de governador e senador, passaram a utilizar as velas dos barcos de pesca, que navegam pelas águas do Rio Capibaribe, para fazer sua propaganda, sem enfeiar a cidade e sem prejudicar a mobilidade. Exemplo que deveria ser seguido pelos candidatos da Frente Popular que, por sinal, recusaram-se a aceitar o acordo proposto pelos opositores de fazer uma "campanha limpa".




Comentários

MAIS ACESSADAS DO MÊS

Paulo Câmara "homenageia" Dia do Orgulho LGBT+ com ação policial truculenta em região boêmia do Recife historicamente ocupada por bares e boate LGBT+ e já tem um "Stonewall" pra chamar de seu

PT já teria até escolhido marqueteiro da campanha de Marília Arraes

Prefeito do Cabo, Lula Cabral, do PSB é denunciado pelo MPPE por "montar vasto esquema criminoso de fraudes em licitações" mediante comissão dirigida por "sua ex-namorada e sua cunhada"