Ministério Público pode promover investigações de natureza penal, decide Plenário do STF


Na tarde desta quinta-feira (14), o Plenário do STF assegurou ao Ministério Público a atribuição para promover, por autoridade própria e por prazo razoável, investigações de natureza penal. A decisão foi tomada na conclusão do julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 593727, com repercussão geral reconhecida.
Os ministros frisaram, contudo, que devem ser respeitados, em todos os casos, os direitos e garantias fundamentais dos investigados, incluindo o princípio constitucional do devido processo legal, e que a atuação do Ministério Público fica sob permanente controle jurisdicional. Devem ser respeitadas, também, as hipóteses de reserva constitucional de jurisdição e, ainda, as prerrogativas garantidas aos advogados.

Comentários

MAIS ACESSADAS DO MÊS

Paulo Câmara "homenageia" Dia do Orgulho LGBT+ com ação policial truculenta em região boêmia do Recife historicamente ocupada por bares e boate LGBT+ e já tem um "Stonewall" pra chamar de seu

PT já teria até escolhido marqueteiro da campanha de Marília Arraes

Prefeito do Cabo, Lula Cabral, do PSB é denunciado pelo MPPE por "montar vasto esquema criminoso de fraudes em licitações" mediante comissão dirigida por "sua ex-namorada e sua cunhada"