Notícias




domingo, 21 de junho de 2015

Sindicato denuncia prática antisindical e antidemocrática por parte da direção do Detran e do Secretário André de Paula



QUEREM CALAR A VOZ DO SINDETRAN


Não é de estranhar a atitude da presidência do DETRAN-PE na pessoa do Sr. Charles Ribeiro e do secretário das cidades André de Paula em querer intervir na organização sindical, emitindo ofício como se tivesse efeito de decreto ou lei.
Esqueceram de ler a Súmula n° 677 do STF e também o mandado de segurança n° 930.901- Paraná, cujo impetrado é o governador do Paraná quando diz "TAMBÉM NÃO PROSPERA A ALEGADA FALTA DE LEGITIMIDADE DO SINDICATO IMPETRANTE PARA POSTULAR O DIREITO DOS SERVIDORES REPRESENTADOS NA AÇÃO, POR AUSÊNCIA DE REGISTRO SINDICAL. NA LINHA DA ORIENTAÇÃO TRAÇADA PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL É SUFICIENTE O REGISTRO DA ENTIDADE SINDICAL NO CARTÓRIO DE REGISTRO DE TÍTULOS E DOCUMENTOS, NÃO SENDO NECESSÁRIO SEU REGISTRO PERANTE O MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO".
Afirmamos que Pernambuco vive um tempo de desejo do retorno as senzalas quando desembargadores decidem contrariando a boa fumaça democrática.
Alertamos que os dirigentes do DETRAN hoje foram formados na escola política daquele que viveu e locupletou-se nos calabouços da ditadura militar, Marco Maciel e aprendeu a calar a voz do povo para desta forma ninguém tomar conhecimento dos desmandos com o dinheiro público.
Era com esta prática que eles afirmam que corrupção só existe há 10 anos no Brasil.
Afirmamos que lutaremos incansavelmente por nossos direitos e conquistas, principalmente da democracia.
A LUTA É PERMANENTE!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

Siga o Blog por Email

Twitter Updates 2.2: FeedWitter

Seguidores

Vídeos

BoxVideos1

BoxVideos2

Noelia Brito © 2016 Todos os direitos reservados.