#OcupeEstelita promove Café da Manhã com Geraldo Júlio contra aprovação do Novo Recife investigado pela PF por fraude no Leilão



O Movimento Ocupe Estelita faz convocação da sociedade civil (aqui) para um café da manhã com o prefeito Geraldo Júlio, logo mais, às 8h, na sede da Prefeitura do Recife, no Cais do Apolo, onde será realizada mais uma reunião do Conselho de Desenvolvimento Urbano - CDU, para aprovar o projeto Novo Recife, de interesse de construtoras investigadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal por fraudes em licitações e por corrupção em contratos com o Poder Público, inclusive no próprio Leilão (aqui), (aqui) e (aqui) promovido pela Caixa Econômica Federal, que financiou, com dinheiro público, a compra (aqui) pelo qual a Moura Dubeux, empresa integrante do Consórcio Novo Recife, adquiriu a área onde se pretende instalar o empreendimento.

Segue o texto do Convite:

"Bom dia, Geraldinho! 

O Movimento Ocupe Estelita já te procurou pela cidade toda, da zona norte à zona sul, vendo os prédios ilegais que a sua gestão ajuda a construir. No entanto, só encontramos a força policial e o rastro de destruição desses grandes empreendimentos. 

Dessa forma, convidamos a vossa excelência e todos os que compõem o Conselho de Desenvolvimento Urbano (CDU) para tomar um saboroso café da manhã na Prefeitura da Cidade do Recife, às 8h, com objetivo de (re)demonstrar os efeitos apocalípticos do Projeto Novo Recife para as pessoas que amam a nossa cidade e todas as ilegalidades que o Projeto carrega. 

Todes nós sabemos que essa votação tenta legitimar a destruição do Cais e da Cidade de Recife. No entanto, não vamos permitir este crime, pois agora é NA LEI OU NA MARRA. 

EXIGIMOS QUE A PREFEITURA PARE DE DAR CONTINUIDADE A ESSE PROCESSO!! A sociedade civil não é obrigada a arcar com os desmandos do Prefeito! Ela será ouvida!"

Comentários

MAIS ACESSADAS DO MÊS

Paulo Câmara "homenageia" Dia do Orgulho LGBT+ com ação policial truculenta em região boêmia do Recife historicamente ocupada por bares e boate LGBT+ e já tem um "Stonewall" pra chamar de seu

PT já teria até escolhido marqueteiro da campanha de Marília Arraes

Ratatuille: ex-prefeito Vado da Farmácia e ex-secretário Paulinho Valério são alvos de processos criminais e por improbidade por contratos com Casa de Farinha e outras empresas no Cabo movidas pelo MPPE