Notícias




terça-feira, 30 de agosto de 2016

FECHAMENTO DE AMBULATÓRIO DA MULHER POR GERALDO JÚLIO GERA PROTESTO DE SERVIDORES E USUÁRIAS


Há pouco mais de 30 dias, publicamos denúncia de que, por desídia da gestão Geraldo Júlio, desde a ocorrência das últimas fortes chuvas que caíram sobre a cidade do Recife, o AMEM – Ambulatório da Mulher (Distrito Sanitário III), situado na Rua Soares Moreno, S/N, Vila dos Comerciários, na Tamarineira, estaria funcionando de improviso, numa sala da Policlínica Albert Sabin, na Jaqueira, tudo porque a Secretaria de Saúde teria ignorado os pedidos feitos pela Administração daquela unidade, para que fosse providenciada a revisão do telhado da casa onde o AMEM/DSIII se encontra instalado, havendo pedidos de providências que remontam ao ano de 2013. (Leia AQUI)


Conforme prevíamos, Geraldo Júlio tem utilizado o Hospital da Mulher como principal carro-chefe de sua gestão para mostrar no Guia Eleitoral, deixando de informar à população que dos R$ 54.923.043,13 do valor orçado para a construção do Hospital, apenas R$ 6.117.212,13 ficaram a cargo da própria Prefeitura do Recife, leia-se, gestão Geraldo Júlio, tendo o restante da obra sido bancado por verbas federais liberadas pelo governo da Presidenta Dilma Rousseff, ou seja, nada menos do que R$ 48.805.831,13, por intermédio de repasses do Ministério da Saúde:

A prova está no nos dados do Convênio 791580/2013, disponível no Portal da Transparência do Governo Federal que pode ser acessado AQUI




No mesmo dia em que Geraldo Júlio, do PSB, anunciou em seu Guia Eleitoral a construção de um Hospital da Mulher, que só teve sua realização possibilitada pelos repasses de quase 90% de seu valor pelo governo federal, servidores e usuárias do AMEM - AMBULATÓRIO DA MULHER - DISTRITO SANITÁRIO III, fizeram um protesto contra o fechamento da Unidade de Saúde que tem 30 anos de serviços prestados à comunidade e que se encontra totalmente abandonado pela gestão Geraldo Júlio, sob a desculpa de que não tem R$ 300 mil para recuperar um telhado.

Conforme denunciamos em nosso blog, em matéria veiculada no dia 19 de julho deste ano, o AMEM está funcionando, de improviso, numa sala do Albert Sabin e Geraldo Júlio nada faz para recuperar um telhado e devolver esse equipamento tão importante e querido à população daquela região do Recife. Assistam o vídeo do protesto e cobrem desse prefeito mais respeito e menos cortesia com o chapeu dos outros  - ou seria mais apropriado dizer da outra?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

Siga o Blog por Email

Twitter Updates 2.2: FeedWitter

Seguidores

Vídeos

BoxVideos1

BoxVideos2

Noelia Brito © 2016 Todos os direitos reservados.