Secretaria de Saúde do Recife já é investigada pelo MPF por contratos sem licitação


Sem alarde, o Ministério Público Federal determinou, no último dia 24/10, a instauração de um Inquérito Civil para investigar a contratação de duas empresas, sem licitação, pela Secretaria de Saúde do Recife, com recursos do SUS.

A investigação atende a uma representação do Ministério Público de Contas que constatou irregularidades na contratação de duas Clínicas Psiquiátricas, pela Secretaria de Saúde da PCR, na Tomada de Contas nº 140378-5, referentes ao exercício de 2013.

Além de não fazer licitação para contratar as Clínicas, o secretário de Saúde da PCR\ também não teria formalizado os contratos, nem formulado Planos Operativos e nem prestado contas dos recursos repassados às tais clínicas. Foi constatada, ainda, omissão do Conselho Municipal de Saúde, quanto ao dever de avaliar convênios e contratos da secretaria, deixando as irregularidades sem qualquer sanção.

Recentemente, nosso Blog denunciou que a mesma Secretaria  de Saúde do Recife estaria utilizando larvicidas vencidos no combate as chamadas arboviroses (Leia AQUI).

Segue a Portaria do MPF:






Comentários

  1. Na realidade a função de fiscalização das contas públicas não é de nenhum conselho municipal de saúde. Também é, mas isso também é função da câmara municipal de vereadores de Recife. Vá na Constituição. Tipo, o que você tem contra a prefeitura de Recife. De 8 reportagens, 7 é criticado a mesma.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

MAIS ACESSADAS DO MÊS

PAULO CÂMARA INSISTE EM EXPULSAR POLICIAIS MILITARES QUE DEFENDEM CATEGORIA, MAS PROTEGE CORONEIS DENUNCIADOS POR CORRUPÇÃO EM SEU GOVERNO INVESTIGADOS POR DESVIOS PARA CAMPANHAS DO PSB

"Jarbas Vasconcelos é um lambe-botas que escapou da Lava Jato pela prescrição", Artigo de FBC para a Folha de São Paulo desmonta falso moralismo de Jarbas e dá o tom do que será 2018

TULIO GADELHA DIVULGA CARTA REVELANDO REAIS MOTIVOS DE SUA EXONERAÇÃO DO ITERPE: "AJUSTE PARTIDÁRIO E ELEITOREIRO"