Base eleitoral do líder de Bolsonaro, Petrolina se recusa a dar título de cidadão ao Presidente: "Bolsonaro petrolinense não", gritaram manifestantes na Câmara



Na véspera da visita do presidente Jair Bolsonato à cidade de Petrolina, em Pernambuco, sob protestos da população, a Câmara de Vereadores foi obrigada a retirar de pauta um projeto que concederia o título de cidadão petrolinense a Bolsonaro. A proposta era do vereador Elias Jardim (PHS).

Manifestantes protestaram em frente à Câmara, segurando cartazes com os dizeres: “Petrolinense Não”.

O fato curioso é que Petrolina é a base eleotoral do Senador Fernando Bezerra Coelho, líder de Bolsonaro no Senado e tem como prefeito um dos filhos de FBC, Miguel Coelho.

MAIS VISITADAS DO MÊS

Polêmica: compradores dos apartamentos "entregues" por Bolsonaro em Petrolina soltam nota repudiando "inverdades" da propaganda oficial "fazendo todos acreditarem que foi de “graça” o que além de ser uma inverdade se torna totalmente desrespeitoso para quem adquiriu o apartamento com tanto esforço."

Além de assédio sexual contra funcionárias, testemunhas reportaram ao MPPE e à DRACO que Prefeito de Camaragibe levava "prostitutas" para dentro da Prefeitura

Operação "For All": Além da sonegação de R$ 500 milhões, donos da A3 Entretenimentos, que administra várias bandas de forró, casas de show e até gráficas, também são investigados por tráfico internacional de drogas, homicídio, ameaça, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Principal banda da empresa é a Aviões do Forró

Recusa em dar R$ 400 mil por mês a Olavo de Carvalho causou a demissão de Santos Cruz. Pressão pelo dinheiro era de Carlos Bolsonaro

Lava Jato chega a Pernambuco: "Amplo esquema criminoso leva Lava Jato a bloquear mais de R$ 3,5 bilhões do PSB, de FBC, do Espólio de Eduardo Campos, Do MDB e de Eduardo da Fonte além de vários empresários